Select Page

Estamos em 2020, e você precisa avaliar alternativas para aumentar a lucratividade da empresa, melhorar o desempenho das vendas e perceber como anda o clima no ambiente de trabalho.

Parece incrível, mas esses questionamentos ainda cairão como uma bomba nos setores envolvidos e com maior força na TI da empresa.

E aí é que vem a pergunta que me motivou a escrever esse artigo:

Você ainda fica estressado toda vez que precisa de informações estratégicas?

Se a resposta for SIM, isso quer dizer que já passou da hora de você ter uma solução de BI.

Mas, afinal, o que é BI?

BI é a sigla para Business Intelligence, ou Inteligência do Negócio, portanto, não seria natural pensar que todos queremos que nosso negócio seja inteligente?

Mas espera, nesse caso uma planilha Excel bem feita pode ser BI?

De fato, guardadas as devidas proporções, uma planilha bem elaborada, com dados consistentes e indicadores poderia sim ser tratada como sendo o BI de um departamento ou empresa.

Por outro lado, implantar um software específico trará como benefícios dispender tempo dando uma olhada mais crítica aos dados disponíveis e reavaliar como os processos são gerados.

Estamos falando de trabalhar para recuperar o investimento feito na implantação do sistema de gestão por meio do aproveitamento dos dados gerados por ela.

Recuperar o investimento?

Sim.

Muitas empresas possuem sistemas de gestão corporativa que geram milhares de registros por dia por meio das transações realizadas nos mais diversos departamentos.

Todos esses dados são utilizados para a geração de relatórios que, na prática, apenas informam o momento, dizem algo a respeito do futuro no caso de gestão de estoques, pedidos de venda e caixa, e atendem exigências governamentais.

Mas isso é pouco para justificar o capital investido.

Para piorar, por conta de problemas em processos, muitas vezes os dados estão comprometidos ou apresentam inconsistências que são resolvidas por lançamentos contábeis ou procedimentos “pouco ortodoxos”, afinal, o que interessa é que o relatório esteja “correto” — como isso acontece não é importante.

Então não estou pronto…

Quem nunca ouviu uma dessas:

  • Não estamos maduros
  • Nossos dados precisam antes ser revistos
  • Não vamos saber o que fazer com as informações

…e muitas outras.

Desculpe, mas você não está pronto para ter um negócio com inteligência?

Já gerenciei mais de um projeto em que a implantação de um BI colocou uma lupa nos dados disponíveis e, justamente pelo fato de localizarmos inconsistências e problemas, iniciou-se um processo de reavaliação de processos e dados.

Procure imaginar a base de dados do seu ERP como uma caixa-preta que fica lá, misteriosa, fechada, e que ninguém se preocupa muito com ela até que um relatório saia com algum erro.

Um dos primeiros trabalhos a se fazer quando pensamos em BI é acessar a caixa-preta, ler dados que serão trabalhados para a geração de indicadores.

O BI faz isso utilizando caminhos diferentes dos relatórios prontos do software, e é bem comum nessa hora encontrarmos problemas.

Mas isso é ótimo!

Black Box

Em que outro momento você faria esse tipo de análise ou teria uma ferramenta que ajudasse a encontrar essas inconsistências?

A verdade é que o BI não apenas fará com que os dados sejam melhorados, como também dará visibilidade e transparência para eles.

Com seus práticos dashboards a informação fica exposta de maneira clara e qualquer variação é notada rapidamente.

Não é bom?

Mas custa caro…

Quanto a isso, que tal um BI gratuito com a marca da Microsoft ou Google? Ou então um pagando muito pouco por demanda mantido pela AWS? Há ainda opções da IBM e Oracle.

Hoje todos os grandes players do mercado estão se mexendo para oferecer produtos de baixo custo e alto desempenho.

Eu escrevi um artigo sobre isso em 2016, Como ter informações estratégicas gastando pouco, quando estava atuando com PowerBI há cerca de seis meses.

Muita coisa aconteceu desde então, mas os fundamentos ainda estão bem atuais.

O fato é que essa “desculpa” não existe mais.

E agora?

Se você chegou até aqui pensando em todas as possibilidades de informações que você pode obter na sua empresa, eu terei atingido o meu objetivo.

Se tem dúvidas de como fazer, pode me procurar. Terei prazer em dar dicas.

Entre para o grupo Seu Perfil no PowerBI e obtenha um BI que analisará como anda a sua rede e suas interações.